Se você está pensando em contratar um seguro de vida e deseja entender melhor como funciona ou até mesmo se já possui um seguro contratado, mas ainda possui algumas dúvidas, você está no lugar certo!

Neste texto iremos abordar as principais dúvidas a respeito do tema com o intuito de acabar de uma vez por todas com as suas dúvidas sobre o tema.

O que é seguro de vida?

O seguro de vida é destinado ao pagamento de uma indenização aos beneficiários no caso de falecimento do segurado.

Além da indenização por morte é possível incluir nas apólices cobertura para invalidez permanente, doenças graves ou acidentes, onde neste caso o próprio segurado poderá receber a indenização paga pela seguradora.

Quem pode receber o seguro?

Ao realizar a contratação do seguro o segurado precisa discriminar na apólice a relação dos beneficiários. Pois, no caso de falecimento estas pessoas recebam a indenização devida.

Nos casos onde não houver beneficiários informados na apólice a indenização será dividida na proporção de 50% para o cônjuge e 50% para os filhos, caso possua.

Existe idade mínima e qual idade limite para contratar um seguro de vida?

A idade mínima estipulada para a contratação de um seguro de vida é de 14 anos. A idade máxima dependerá das políticas internas de cada seguradora, porém na maioria dos casos esta idade é de 65 anos.

Estou doente, posso contratar um seguro de vida?

Ao contrário do que muitos pensam, a resposta para esta pergunta é sim. Mesmo doente é possível contratar um seguro de vida. Porém este é um fator que pode gerar um aumento no valor do seguro a ser calculado pela administradora.

É possível alterar os beneficiários do seguro de vida?

Sim. A alteração dos beneficiários é permitida, desde que solicitada por escrito e pelo segurado.

Como é calculado o seguro de vida?

São várias as variáveis que impactam diretamente no valor do seguro. De forma geral o seguro é calculado com base no perfil do segurado e das coberturas desejadas. Vejamos mais detalhes abaixo.

Em relação ao perfil do segurado, os seguintes aspectos podem influenciar no valor do seguro:

Valor da Apólice: Assim como qualquer outro seguro, com o seguro de vida não poderia ser diferente, quanto maior o valor da apólice escolhida, maior será o valor a ser pago pelo seguro.

Idade: A idade também é fator determinante para o preço do seguro de vida. Desta forma, quanto mais velho o indivíduo é provável que o valor de seu seguro seja maior.

Estado de Saúde: Ao solicitar um seguro de vida, a seguradora realizará algumas perguntas e em alguns casos será necessário até mesmo passar por uma avaliação médica.

Este procedimento é comum e ajuda a seguradora a determinar o valor do seguro com base em variáveis relacionadas ao estado de saúde do indivíduo.

Em caso de histórico de problemas de saúde, consumo de bebidas e tabagismo, o valor do seguro pode ser afetado.

Profissão: Algumas profissões expõem o trabalhador a riscos maiores do que outras, este fator será levado em consideração no cálculo. Vale ressaltar que devido ao elevado grau de risco de algumas profissões as seguradoras podem recusar a oferta do serviço.

Em relação às coberturas do seguro:

A cobertura básica de todo seguro de vida é a cobertura por morte. Porém é possível adicionar outras coberturas opcionais como por exemplo cobertura contra invalidez e doenças graves. Acrescentando coberturas o valor do seguro será maior.

Conclusão

Esperamos ter contribuído para que você retire as suas dúvidas em relação ao seguro devida. Caso precise de outros esclarecimentos não deixe de entrar em contato com a nossa equipe. Estamos prontos para atender você.

WhatsApp chat